Boleira coleção Massa Branca, assinada pelo artista plastico Alex Cerveny com aplicação dos desenhos misticos do artista. Esta boleira fica linda também como centro de mesa ou até mesmo uma fruteira.

Assista ao video desta peça logo abaixo do texto. 

Produto desenvolvido e fabricado no Brasil.

Material: cerâmica cor natural, esmaltada de branco com aplicação dos desenhos do artista

Medidas: 31 cm diâmetro x 13 cm altura

Cuidados: 

1) Aconselhavel esperar secar bem a peça antes de guardar. 

2) O prato é entregue descolado do pé para ficar mais facil guardar e assim voce pode usa-lo como prato ou como boleira. Caso queira usar como boleira e colar o pé no prato para sempre, usar a cola Araldite. Se optar por não colar para sempre, aconselhável usar a fita adesiva dupla face. 

A nova coleção é assinada pelo artista plástico Alex Cerveny, onde o apuro técnico é um denominador comum em suas obras. Alex já tem uma longa trajetória como artista e ilustrador. Em 2019, o Museu Lasar Segall realizou uma retrospectiva de sua obra gráfica e suas pinturas participam da exposição Nous Les Arbres, na Fundação Cartier em Paris. Outras exposições marcantes foram Os Muitos em Um (Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, 2016); Homo Ludens (Galeria Luisa Strina, São Paulo, 2016); Desenhos de Ilustração (Estação Pinacoteca, São Paulo, 2005); Panorama da Arte Brasileira (Museu de Arte Moderna de São Paulo, 1995) e 21a Bienal Internacional de São Paulo (1991), entre outras.

Alex não se prende a uma única técnica ou matéria, estão presentes em sua obra, desenhos, esculturas, pinturas, bordados, colagens, cerâmicas, fotografias e gravuras. Como resumiu o artista. “Eu me sinto mais um escritor que escreve imagens, me sinto mais um cronista que um artista ”

“Para a Massa Branca, fiz uma seleção de desenhos de meu acervo pessoal. São obras reunidas para formar um conjunto de peças de mesa devido às suas características poéticas e gráficas. Em sua maior parte, são figuras mitológicas e portadoras de poderes mágicos como sereias, anjos, apsaras e valquírias. Os desenhos foram redimensionados e aplicados sobre objetos de vidro e cerâmica escolhidos especialmente para a coleção, objetos carregados de beleza e praticidade. ”

O tema da coleção é " Os 4 elementos e o homem". Todas as peças da coleção remetem ao tema. 

 

 

Boleira ou centro de mesa M - Coleção Alex Cerveny

R$330,00
Boleira ou centro de mesa M - Coleção Alex Cerveny R$330,00

Boleira coleção Massa Branca, assinada pelo artista plastico Alex Cerveny com aplicação dos desenhos misticos do artista. Esta boleira fica linda também como centro de mesa ou até mesmo uma fruteira.

Assista ao video desta peça logo abaixo do texto. 

Produto desenvolvido e fabricado no Brasil.

Material: cerâmica cor natural, esmaltada de branco com aplicação dos desenhos do artista

Medidas: 31 cm diâmetro x 13 cm altura

Cuidados: 

1) Aconselhavel esperar secar bem a peça antes de guardar. 

2) O prato é entregue descolado do pé para ficar mais facil guardar e assim voce pode usa-lo como prato ou como boleira. Caso queira usar como boleira e colar o pé no prato para sempre, usar a cola Araldite. Se optar por não colar para sempre, aconselhável usar a fita adesiva dupla face. 

A nova coleção é assinada pelo artista plástico Alex Cerveny, onde o apuro técnico é um denominador comum em suas obras. Alex já tem uma longa trajetória como artista e ilustrador. Em 2019, o Museu Lasar Segall realizou uma retrospectiva de sua obra gráfica e suas pinturas participam da exposição Nous Les Arbres, na Fundação Cartier em Paris. Outras exposições marcantes foram Os Muitos em Um (Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, 2016); Homo Ludens (Galeria Luisa Strina, São Paulo, 2016); Desenhos de Ilustração (Estação Pinacoteca, São Paulo, 2005); Panorama da Arte Brasileira (Museu de Arte Moderna de São Paulo, 1995) e 21a Bienal Internacional de São Paulo (1991), entre outras.

Alex não se prende a uma única técnica ou matéria, estão presentes em sua obra, desenhos, esculturas, pinturas, bordados, colagens, cerâmicas, fotografias e gravuras. Como resumiu o artista. “Eu me sinto mais um escritor que escreve imagens, me sinto mais um cronista que um artista ”

“Para a Massa Branca, fiz uma seleção de desenhos de meu acervo pessoal. São obras reunidas para formar um conjunto de peças de mesa devido às suas características poéticas e gráficas. Em sua maior parte, são figuras mitológicas e portadoras de poderes mágicos como sereias, anjos, apsaras e valquírias. Os desenhos foram redimensionados e aplicados sobre objetos de vidro e cerâmica escolhidos especialmente para a coleção, objetos carregados de beleza e praticidade. ”

O tema da coleção é " Os 4 elementos e o homem". Todas as peças da coleção remetem ao tema.